É bastante interessante ver como as pessoas de diferentes culturas se portam. O que pode ser e parecer super normal para você pode vir abaixo quando você viaja. A cultura local pode não te permitir manter seus hábitos e cabe a você tentar se adaptar (ou sofrer!). Para mim, é fascinante poder “experimentar” novas culturas. Novos hábitos, novas comidas, novas formas de falar e viver as pequenas coisas do dia-a-dia. Acabo eventualmente incorporando alguns hábitos ao antigo modo de viver. Como já disse por aqui, passei uma semana em Santiago (entremeada com um fim-de-semana em Valparaíso). Pude perceber algumas curiosidades sobre o povo Chileno que bastante me interessaram.

livros queimados
Livros sendo queimados durante a ditadura

Livros
Até 1976, os livros estavam isento de impostos no Chile. Com a ditadura, editoras foram fechadas, livros queimados (dentro das livrarias e em praças públicas!) e impostos passaram a ser cobrados nos livros. Hoje em dia, o imposto sobre os livros (IVA) é de 19%, entre os mais altos do mundo. A consequência? Os chilenos quase não lêem. Os que lêem, muitas vezes compram livros piratas! A indústria editorial não tem força para crescer frente a todas essas dificuldades. Nas livrarias que entramos, livros simples custavam em torno de 20.000 pesos (mais ou menos 100 reais na época). Os livros vendidos no Chile são, em sua maioria, importados – principalmente de Buenos Aires ou Barcelona.

 

Curta nossa página no Facebook!

Cachorros de rua
Há muitos cachorros abandonados nas ruas, tanto em Santiago quanto em Valparaíso e Viña del Mar. Não são cachorrinhos pequenos e magros, são de grande porte e saudáveis. Alguns inclusive vacinados! Leia mais sobre os perros chilenos aqui.

 

IMG_4415
O que será que esses potinhos guardam?

Temperos à mesa
Aqui no Rio, nas mesas dos restaurantes, costumamos encontrar sal, azeite e vinagre. No Chile, ketchup, mostarda e ají (molho de pimenta). Você consegue desvendar o que está em cada tubo?

 

donuts patriotas
Donuts com a bandeira do país? No Chile tem!

Patriotismo
Os chilenos me pareceram tão patriotas quanto os estadunidenses. Estive por lá uma semana antes do dia da Independência, 18 de setembro, e presenciei diversas demonstrações de patriotismo que nunca vi aqui pelo Brasil. Prédios, lojas e ruas todas enfeitadas com as cores do país – bandeirinhas, balões, faixas… Bandeiras estiradas em diversos locais. Até mesmo o Dunkin’ Donuts entrou na onda e estava vendendo donuts decorados com as cores da bandeira!

 

Abacate
Come-se muito abacate no Chile. No café da manhã, no cachorro quente, no hambúrguer, na salada, no vinagrete, em tudo! Até mesmo McDonalds, Burger King e KFC têm sanduíches locais com abacate na receita. Se quiser comprar no mercado e fazer um sanduíche no hotel, procure por Palta Hass, a casca é bem escura e não pode estar muito mole.

MCD-16078-Lienzo GP23  4,5x1.5
Hamburguer com tomate e palta no McDonald’s

 

HAMBURGUESA DOBLE ITALIANA
Hambúrguer duplo com tomate, palta e maionese no Burger King

 

KFC
Variedades de sanduíche com palta no KFC

 

Horários das refeições
Adoro comer cedo, almoçar meio-dia e jantar às seis é o paraíso para mim. É claro que meus hábitos sempre mudam em viagem… Muitas vezes quero jantar cedo e os restaurantes estão todos vazios. Descobri que no Chile a maior parte da população faz 5 refeições diárias. Tomam café, fazem um lanche por volta de meio-dia, almoçam às duas, fazem outro lanche às seis e jantam lá pelas nove ou dez horas da noite. E, realmente, se você passear pelos restaurantes ao meio-dia ou às seis vai ser difícil encontrar alguém almoçando ou jantando.

De todos os hábitos acima descritos, confesso que os culinários foram os que mais me apeteceram. Já de volta ao Brasil, o abacate tem sido meu melhor companheiro, assim como o ají. Um belo hambúrguer com molho ají pebre com tomate e palta já faz parte do meu cardápio semanal! =)

2 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns.
    Perfeito o ser relato sobre o Chile.
    Muito bem feito, fácil de entender, bem escrito e, mais que tudo, muito útil.
    Grande abraço.
    Fique com Deus.

Deixe uma resposta